IBr Agência Digital | Blog

Com 175 milhões de usuários, WhatsApp Status supera Stories do Snapchat

Com 175 milhões de usuários, WhatsApp Status supera Stories do Snapchat

O que todos já esperavam aconteceu. Após copiar o recurso Stories criado pelo Snapchat, o WhatsApp atingiu a marca de 175 milhões de usuários utilizando o WhatsApp Status, recurso praticamente idêntico ao de seu rival.

O WhatsApp precisou de pouco mais de 3 meses para superar os números do Snapchat, e isso não aconteceu por ele ter apresentado um melhor recurso, e sim pelo fato de Mark Zuckerberg ter o domínio total do mercado das redes sociais mundialmente. É muito mais prático para um usuário de WhatsApp utilizar o recurso em somente um aplicativo do que abrir o Snapchat para utilizar o Stories.

Lembrando que o recurso criado pelo Snapchat também foi inserido nas outras redes sociais de Zuckerberg (Instagram e Messenger).

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Greve geral no Brasil gera muitas discussões nas redes sociais

Greve geral no Brasil gera muitas discussões nas redes sociais

Grande parte do país parou de funcionar na última sexta-feira (28). A ausência do transporte público impossibilitou muitas pessoas de se locomoverem a seus trabalhos e instituições de ensino.

Com o momento político turbulento que o Brasil vive atualmente, e as diferentes opiniões da população quanto a reforma da previdência, gerou-se muitas discussões nas redes sociais.

As hashtags “#BrasilemGreve”e “#eu vou trabalhar” foram as mais utilizadas do dia no Twitter Brasileiro.

Elas também foram muito utilizadas no Facebook, e a hashtag “#BrasilemGreve apareceu no top 10 mundial entre os trending topics do Twitter.

Os usuários do Facebook compartilharam centenas de vídeos das manifestações em diversas cidades do país, e em muitos deles foram registradas cenas de vandalismo e violência.

O lado positivo das redes sociais nesses casos de conflitos e manifestos é conseguirmos ver a realidade que muitas vezes as emissoras de televisão se recusam a mostrar, pois qualquer portador de um smartphone que filmar determinado acontecimento poderá viraliza-lo na internet rapidamente.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Instagram atinge a marca dos 700 milhões de usuários

Instagram atinge a marca dos 700 milhões de usuários

O Instagram não para de crescer. A rede social de fotos e imagens de Mark Zuckerberg atingiu a marca histórica de 700 milhões de usuários ativos pelo mundo.

Mesmo sendo uma conquista satisfatória, as demais redes sociais de Zuckerberg cresceram ainda mais. O Facebook Messenger e o WhatsApp recentemente bateram a marca de 1,2 bilhões de usuários, e o Facebook já atingiu a marca de 1,8 bilhões há algum tempo.

Em dezembro de 2016, o Instagram já havia atingido a marca dos 600 milhões. Contudo, estes últimos 100 milhões foram os mais rapidamente conquistados na história da rede social.

Não restam dúvidas. Quando Mark Zuckerberg entra de cabeça em um novo projeto, as chances dele se tornar um sucesso é muito grande.

E você, se arriscaria a fazer uma previsão com relação a que rumo as redes sociais irão tomar com o passar dos anos? Será que uma nova rede social irá derrubar o Facebook?

Em breve falaremos sobre esse tema aqui no nosso blog!

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Para intensificar o combate às Fake News, Facebook busca profissional para liderar projeto

Para intensificar o combate às Fake News, Facebook busca profissional para liderar projeto

 

Todos sabemos o poder de informação que as redes sociais possuem. Muitas vezes tomamos conhecimento de uma notícia muito antes de assistir um noticiário na televisão.

Contudo, essa rapidez no compartilhamento de conteúdo nas redes sociais passou a ter um lado negativo: o surgimento de falsas notícias, que muitas vezes interferem na formação de opinião das pessoas e em suas decisões e atitudes.

Pessoas mal intencionadas criam essas notícias para difamar pessoas ou empresas, mentem que alguma pessoa pública faleceu, entre diversas outras finalidades.

O Facebook já vem lutando para combater as Fake News há algum tempo, e na quinta-feira passada (20), o site Re/Code divulgou que o Facebook está em contato direto com veteranos das áreas de mídia e tecnologia.

Segundo Kurt Wagner, diretor sênior do site, Zuckerberg está com dificuldades em encontrar o profissional ideal para assumir a responsabilidade, pois o escolhido deverá ter experiência nas duas áreas. Ou seja, além de conseguir estancar as notícias falsas, o novo contratado também deverá desenvolver novos projetos para as empresas de mídia divulgarem seus conteúdos

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Instagram libera utilização no modo offline para usuários Android

Instagram libera utilização no modo offline para usuários Android

Foi liberado pelo Instagram na última terça-feira, um recurso com objetivo de otimizar a experiência dos usuários de países que possuem serviços de internet móvel de baixa qualidade.

A partir de agora, os usuários de Android que utilizam o Instagram podem realizar diversas funções como realizar uma postagem, curtir as postagens do feed, fazer comentários e realizar o download de fotos e vídeos.

Segundo o Facebook, 80% dos usuários do aplicativo residem nos EUA, onde os serviços de internet são de alta qualidade, diferente dos países em desenvolvimento.

Quando os usuários de Android estiverem com baixo sinal de internet ou totalmente offline, o feed de notícia estará carregado com o conteúdo do último momento em que o smartphone esteve conectado, e a partir daí, todas as ações citadas anteriormente poderão ser realizadas, ficando registradas no sistema do aplicativo, e assim que o aparelho voltar a ter uma conexão com qualidade todas as ações realizadas pelo usuário serão aplicadas de fato.

Foi informado também que a versão para o iOS já está em desenvolvimento,  e será lançada em breve, e a versão para Android ainda receberá novidades nas próximas semanas.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

WhatsApp chat