IBr Agência Digital | Blog

Facebook Messenger avalia o uso de conversas autodestrutivas

Facebook Messenger avalia o uso de conversas autodestrutivas

Há alguns anos atrás, quando o Orkut ainda era o fenômeno das redes sociais, era difícil imaginar o seu fim, devido ao gigantesco sucesso consolidado na época.

É impossível prever qual será o futuro das redes sociais, mas já sabemos que a todo momento surgem novidades, como o recente sucesso do Snapchat, e as constantes atualizações das demais redes sociais, que estão sempre buscando melhorias para não perder espaço para os concorrentes.

O Facebook, que em 2013, fez uma proposta de compra do Snapchat, e não conseguiu realizar o negócio, está atento às ferramentas do já bem sucedido aplicativo, e decidiu incorporar alguns recursos de sucesso do concorrente..

Um dos recursos que está sendo testado no Facebook Messenger, são as conversas autodestrutivas, onde os usuários podem predefinir o tempo de existência do bate papo, ou seja, torna-se possível “cronometrar” a conversa, com o tempo que o usuário quiser, e a conversa é excluída automaticamente após este período.

Segundo David Marcus, responsável pelo aplicativo do Facebook, a possibilidade de implementação das conversas autodestrutivas, não é idealizada pelo fato do aplicativo Messenger ser inseguro, pelo contrário, ele garante que o aplicativo possui um forte sistema de segurança, porém, ele considera o recurso importante para determinadas conversas onde o conteúdo é mais sério ou sensível, explica.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Nova atualização do Facebook permite o download de vídeos postados

Nova atualização do Facebook permite o download de vídeos postados

Há algum tempo o Facebook tornou automática a reprodução dos vídeos postados no feed de notícias. Contudo, é bem provável que não tenham pensado que nem todos os usuários possuem um bom plano de dados de internet móvel para usufruir deste sistema de forma satisfatória.

Reconhecendo esta realidade, foi criada e divulgada uma nova atualização, com lançamento previsto para 11 de julho, próxima segunda-feira, que permitirá ao usuário realizar o download destes vídeos quando estiver conectado a um sinal de Wi-Fi, para poder assisti-los posteriormente, quando estiverem com baixo sinal de internet móvel, ou até mesmo desconectados.

Visando evitar problemas futuros com a pirataria, não será possível a realização dos downloads para armazenamento na memória do aparelho, portanto, para acessar o conteúdo, somente dentro do aplicativo do Facebook.

As demais publicações realizadas por perfis pessoais ou páginas continuarão sendo acessíveis offline, exceto os casos em que o administrador da publicação configure para impedir o acesso desconectado.

Esta novidade será aplicada somente em países em desenvolvimento, como é o caso da Índia, e provavelmente será aplicada no Brasil, pois além de ser um país em desenvolvimento, possui uma péssima conexão de internet móvel, comparando-o com países como os EUA.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Atualização do Skype permite o envio de arquivos no modo offline

Atualização do Skype permite o envio de arquivos no modo offline

Ao que tudo indica, a Microsoft decidiu dar uma renovada na funcionalidade do Skype, de forma que ele consiga entrar na briga com seus demais concorrentes.

A empresa anunciou, nesta terça-feira, um pacote de atualizações, que permite aos usuários do Skype o envio de arquivos no modo offline.

Anteriormente, era necessário os usuários estarem conectados para ser possível a troca de arquivos.

Levando em consideração que o WhatsApp, Messenger e os outros grandes aplicativos de bate papo, não possibilitam a troca de arquivos quando algum dos usuários estiver desconectado, passa a existir a possibilidade do Skype resgatar antigos usuários, e conquistar quem ainda não o utiliza.

Outro fator interessante é o limite de 300 megas por arquivo, que é considerado um bom tamanho para possibilitar o envio de músicas, vídeos e documentos.

Nesta mesma atualização, foi anunciado o  novo Skype Meetings, um serviço de videoconferência gratuito, pensado para facilitar reuniões online de pequenos empreendedores.

Os usuários que estiverem com o Skype atualizado já possuem as novas atualizações.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Facebook tornará automática a tradução nos posts dos usuários

Facebook tornará automática a tradução nos posts dos usuários

 

O Facebook decidiu otimizar o serviço de tradução nas postagens da rede social

Já era possível clicar no botão “tradução”, para traduzir o texto que não estivesse na língua de origem do usuário, nas postagens em geral.

Contudo, Zuckerberg chegou a conclusão que os usuários são cidadãos do mundo, ou seja, eles podem conhecer pessoas de centenas de nacionalidades e culturas distintas, sem dominar o idioma das mesmas.

O inglês é considerado o idioma mundial, entretanto, se o usuário começar uma amizade com um grego, por exemplo, que utiliza em suas postagens o idioma do seu país, isto irá dificultar  a rápida comunicação entre eles no Facebook.

Então, por que não facilitar esta comunicação?

Com a nova atualização, quando o usuário for redigir um novo post no Facebook, abaixo da caixa de texto será encontrado um botão chamado “Escrever post em outro idioma”, e ao clicá-lo, poderá ser escolhido em qual idioma o texto será traduzido.

Esta tradução poderá ser editada instantaneamente, levando em conta que nem sempre a tradução fica com sua estrutura perfeita.

O Facebook disponibiliza 44 idiomas que podem ser traduzidos, e o novo sistema de tradução já encontra-se disponível nas páginas de fãs, produtos ou marcas.

As atualizações estão em fase de testes com um pequeno grupo de usuários, e no momento, está ativa somente para a versão desktop, porém o conteúdo traduzido já pode ser visualizado em todas as plataformas.

Ainda não há previsão de lançamento para os usuários em geral.  

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Brasil é recordista em infecções de novo ataque do Facebook

Brasil é recordista em infecções de novo ataque do Facebook

Infelizmente, o Brasil está no topo no ranking dos computadores e smartphones infectados por ataques de phishing.

Trata-se de um malware, com o objetivo de roubar sua conta do Facebook, para, posteriormente, acessar os dados pessoais do proprietário da conta, e até mesmo, passar-se pelo dono da conta, infectando sua rede de amigos, marcando-os em links infectados, inventando algum outro conteúdo para o mesmo, fazendo as pessoas clicarem e se infectarem também.

Segundo a empresa de segurança Kaspersky, o malware afetou em torno de 10 mil computadores ao redor do mundo, e os principais países infectados são  Brasil, Alemanha, Israel, Venezuela, México, Equador, Portugal, Grécia, Polônia e Peru.

O golpe, apesar de ser bastante simples, consegue enganar muita gente, e ele é composto por duas fases.

No primeiro momento, o usuário é marcado em um link por um amigo de Facebook,e, inocentemente, acaba clicando por acreditar que foi seu amigo que enviou o malware, e automaticamente, são instalados alguns arquivos no sistema e uma extensão de Google Chrome.

Na segunda fase, quando o navegador infectado for utilizado para acessar o Facebook, o criminoso passa a ter acesso a sua conta, e a partir dai, busca seus dados pessoais e bancários para aplicar seus golpes, e continua tentando infectar seus amigos de rede social.

Os usuários de computadores e smartphones com o Windows como sistema operacional, são os que correm maior risco de infecção.

Usuários de iOS e Android estão imunes aos ataques do malware.

O Google se manifestou a respeito, informando que removeu a extensão criminosa da sua loja virtual, e o Facebook declarou que conseguiu bloquear o mecanismo de ataque do vírus na rede social.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

WhatsApp chat