IBr Agência Digital | Blog

ICQ ou WhatsApp, qual o melhor? Quais as diferenças?

.

ICQ ou WhatsApp, qual a melhor alternativa para ser seu serviço de trocas de mensagens instantâneas?

Os serviços de troca de mensagens instantâneas vêm sendo fundamentais na construção e na configuração da internet como conhecemos hoje e, recentemente, se tornaram objetos indispensáveis na comunicação móvel através de celulares.

Até então líder absoluto na troca de mensagens instantâneas via celular, o aplicativo WhatsApp recebe um concorrente de peso: o ICQ. Sim, uma continuação do nostálgico serviço de trocas de mensagens que pré-datou a era do MSN Messenger.

whatsapp-ou-icq-qual-melhor

As funcionalidades do WhatsApp como troca de vídeos, imagens e texto estão presentes no ICQ, que traz novas possibilidades em relação ao seu concorrente. É possível participar de bate-papos com temas específicos separados pela língua nativa dos usuários.

Outra alternativa interessante é a possibilidade de fazer videoconferências através do aplicativo, em funcionalidades semelhantes às encontradas no Skype e no Google Hangouts. Esse sistema de comunicação não existe no WhatsApp.

Já foi anunciado que o WhatsApp não estará disponível em uma plataforma online que permita sua utilização através de computadores, o que é possível com o ICQ, que traz mais um canal de contato entre seus usuários, onde você pode instalar no seu computador e ter suas conversas sincronizadas com o smartphone. Você pode usar a versão online, diretamente no site, ou então fazer o download do “velho” ICQ (nesse link) e instalar no seu computador pessoal. Além disso tudo, você pode mandar SMS para contatos que não tenham o ICQ instalado, aumentando o número de mensagens de graça.

Logo no começo de sua vida útil, o ICQ já se tornou o aplicativo mais baixado na loja virtual da Apple e se estima que o dobro de usuários já fez download da sua versão para o Android, aumentando a base de usuários do aplicativo.

Importantíssimo: utilizando o ICQ, em substituição ao WhatsApp, para a troca de mensagens instantâneas você também deixará de alimentar em grande escala a base de dados e informações pessoais em poder do Facebook, que foi reforçado pela aquisição de WhatsApp e Instagram e agora tem a possibilidade de cruzar as nossas informações e vender para grandes empresas anunciantes.

Na comparação entre os dois aplicativos as vantagens do ICQ ficam bastante nítidas. Naquilo que o WhatsApp oferece, o ICQ cumpre de forma muito responsável. Talvez a semelhança no compartilhamento de fotos e vídeos e a velocidade na troca de mensagens não instigue as pessoas a trocar um pelo outro, uma vez que são extremamente parecidos.

Porém, resta saber se o programa cairá no gosto das pessoas – e os usuários antigos e fiéis de ICQ podem fazer a diferença!

Será teremos uma grande quantidade de pessoas migrando de um aplicativo para o outro? Você já testou o novo ICQ?

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil.  Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

O poder das imagens e a publicidade online

.

Pinterest e Instagram apostam em publicidade online

Mídias sociais baseadas em imagens ganham publicidade

Depois do Instagram ter incorporado posts patrocinados em sua linha do tempo é a vez de outra rede social baseada em imagens aderir a publicidade online. O Pinterest passará a contar com conteúdo patrocinado e, logo de cara, já estão viabilizados contratos de patrocínio com grandes empresas, casos das gigantes da alimentação Nestlé e Kraft Foods. A inserção do Pinterest à publicidade nos faz ver a força que as imagens tem para propagar o nome de marcas e produtos nas mídias sociais. Uma imagem vale mil palavras e em tempos de caracteres contados a míngua, uma boa interação visual pode fazer milagres por sua marca. Nem todos os produtos ou marcas se encaixam com o perfil das mídias sociais de compartilhamento de imagens, que buscam um visual estético agradável para todos os usuários. Nessa situação, as imagens podem ser insuficientes para transmitir as ideias e valores de uma marca, dependendo de seu ramo de atuação. Mas fica claro que é grande o engajamento através de Instagram e Pinterest.

Publicidade no Pinterest e no Instagram

O Pinterest se destaca pelo seu público-alvo bem mais focado em mulheres, atingindo desde adolescentes até mulheres mais maduras, na casa dos 50 anos. Isso pode ser aproveitado para fazer campanhas específicas voltadas a rede social das imagens, permitindo uma maior aproximação com o público-alvo. Agora, ao adentrar essas redes sociais, é preciso analisar e forjar campanhas com forte apelo visual, que tornem sua marca única perante seus concorrentes, criando uma identidade visual vistosa e moderna. Vale lembrar que não é necessário investir em patrocínios para propagar sua marca online nessas ferramentas. O mais adequado para iniciar um investimento é criar um perfil corporativo e através dele tornar sua marca mais conhecida e bem recebida pelo público.

. Este tipo de publicidade é menos agressivo do que o que estamos acostumados  a visualizar pelas mídias tradicionais. Portanto, passível de trazer um resultado mais desejado e que acalente um relacionamento entre marca e cliente para além da simples aquisição de produtos, tornando-se parte do cotidiano das pessoas, o que fará seu produto ser lembrado espontaneamente pelo seu público-alvo. .

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil.  Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Marketing digital: o ideal para pequenas empresas

.

A internet e o marketing digital como vias para pequenas empresas

No ambiente digital você pode chegar antes dos seus concorrentes

Antes do advento da internet as verbas para publicidade eram proibitivas para o pequeno e médio empreendedor. As mídias tradicionais tem um custo muito elevado para a veiculação de campanhas publicitárias, ficando reservados esses espaços às empresas maiores.

Marketing Digital para Pequenas Empresas

O grande marketing do pequeno empresário estava no bom e velho boca-a-boca e, assim, lentamente passando de pessoa em pessoa é que era construída uma reputação para aqueles empreendedores de pequeno e médio porte.

Essa característica pode ser muito vista em empresas de bairro, que se fortaleciam primordialmente em suas comunidades para, depois, alcançar uma maior clientela fora de sua área preferencial de atuação.

Hoje, com a expansão de internet e as possibilidades que ela propicia, e possível fazer um marketing de baixo custo e alta qualidade. Investimentos irrisórios em relação ao retorno alcançado garantem sucesso ao marketing de uma pequena empresa, que terá condições de se manter ativa na esfera digital.

Um dos principais trunfos do marketing online está na possibilidade de ultra segmentação do público alvo, dando tiros mais certeiros na clientela que o estabelecimento comercial pretende alcançar.

É muito importante quando o próprio empresário assume a função de gerar conteúdo na internet. Ele fala com propriedade, conhecedor profundo do seu próprio negócio, e seus seguidores e amigos percebem isso.

Outra vantagem está no relacionamento constante atingido com a presença nas mídias sociais. A agilidade na comunicação permite garantir eficiência e demonstrar capacidade para seu produto, tornando-o bem falado nas mídias sociais.

O empreendedor tem de estar aberto as possibilidades do mercado digital para prosperar com maior facilidade no mercado físico. Este conhecimento permite uma maior capacidade de penetração no mercado desejado. Aumentando lucros e fortalecendo laços com a comunidade, tornando-se um ato de integração do negócio. Agregando valor a marca e abrindo portas para mais e mais possibilidades de novos negócios.

Portanto, é importantíssimo que você, pequeno e médio empreendedor, fique por dentro das atualidades e do que tudo que a internet possibilita para negócios, pois é nela que você terá totais condições de chegar antes dos seus concorrentes!
.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. 
Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Uma referência nas mídias sociais

Como se tornar uma referência nas mídias sociais?

Construção de autoridade e emissão de opinião estão entre os fatores responsáveis

Fazer parte da opinião pública é um dos ideais buscados por quem deseja ter influência sobre parcelas da população através do lançamento de ideias e impressões a respeito dos mais diversos assuntos.

Tradicionalmente, ser parte da opinião pública está atrelado à um veículo de comunicação tradicional e recebe todo o respaldo que a força desses veículos trazem consigo. Mas, nem todos os espaços públicos agora são dominados pela grande mídia.

autoridade-midias-sociais

A internet possibilitou democratizar os espaços de opinião, dando liberdade para o surgimento de emissores de opinião que passam a ter uma relevância impensada em tempos anteriores, alcançando um público cada vez maior.

A construção de autoridade para emitir opinião sobre algum assunto não é mais exclusividade de uma pessoa sustentada por uma corporação midiática que dita o que deve ou não ser dito e o que está ou não errado.

Talvez os maiores exemplos de criação de poderosas vozes opinativas com ares ascendência sobre o público sejam os vlogueiros do Youtube que, em sua maioria, saíram daquele ambiente para alçar voos maiores. Eles vinham do anonimato e, através do poder multiplicador da internet, conseguiram espalhar sua palavra.

Esses exemplos de sucesso dão conta que é possível estabelecer uma persona com autoridade para emitir opinião e granjear um público ouvinte através apenas do trabalho nas mídias sociais.

O segredo reside na maneira de se posicionar no ambiente virtual e criar um discurso acessível para todos, aumentando o potencial de expansão das ideias transmitidas na hora de emissão da opinião.

Evitar postagens banais ajuda a pavimentar o caminho para a expressão de opinião quando isso é necessário e não ter medo de se posicionar sobre temas polêmicos também é um requisito necessário para desenvolver o poder de fazer parte da opinião pública dentro das mídias sociais.

Lembre-se sempre que o conteúdo postado tem de ser relevante para ser colocado em um poste na frente de todas as pessoas na rua e ficar ali exposto, essa é a ideia de relevância ensinado pelos teóricos da comunicação. Portanto, não perca seu tempo com coisas fúteis para assumir papel destacado nas interações sociais.
.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. 
Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

.

Facebook: o que postar na fanpage?

.

E então, o que postar na minha fanpage?

Dicas de tipos de conteúdo a serem explorados no Facebook da sua empresa

Pode ser uma dúvida comum no momento de criar uma fanpage no Facebook. Afinal, qual será o conteúdo a ser postado na página? Isso deve ser bem pensado e, para isso, existe um calendário editorial, que será a maneira de organizar os assuntos que serão tratados na sua página.

O ideal é que esse conteúdo a ser disponibilizado seja compatível com a imagem que a empresa quer passar para o seu público-alvo. Portanto, respeitando os valores e demais guias corporativos da marca a ser explorada na mídia social.

Agora, como se faz para equalizar um conteúdo adequado com um conteúdo atraente para o público? Essa sintonia fina deve ser feita aos poucos, para que a repercussão de suas postagens seja positiva e alcance o maior número de pessoas, dentro do seu nicho, possível.

O que postar no Facebook?

Lembrando que a média da taxa de visualização é de cerca de 10% do seu número de fãs, sendo essa base mínima de onde partirão suas postagens, podendo evoluir dependendo do grau de relevância do conteúdo postado.

Apostar em conteúdo criativo é uma necessária diretriz para o sucesso. Quanto mais originais forem suas postagens, maior será a possibilidade de retorno sobre as mesmas. Causando efeito positivo para sua marca.

O conteúdo não necessariamente precisa ser original, pode ser aproveitado material de referência desde que venha de fontes qualificadas que estimulem positivamente a impressão sobre sua empresa ou produto destino da fanpage.

Apostar em conteúdo cômico é uma via de mão dupla que pode tanto ser positiva, quanto negativa. O ideal é afastar-se de polêmicas e usar com sabedoria as oportunidades para introduzir o humor em seus posts, deixando para o momento exato, sem precipitações.

Sempre relevante é a utilização de dicas dentro do seu ramo de atuação, isso irá estabelecer um laço de memória positiva em relação a sua marca por parte do público consumidor, como sendo uma fonte de assuntos importantes e que ajudam no dia-a-dia.

Porém, atenção: não resuma seu conteúdo apenas a produtos.

Claro, algumas postagens devem ter cunho comercial. Mas a dica é: não sobrecarregue seu público com postagens comerciais. O recomendado é que esse tipo de postagem não ultrapasse um quarto do total de conteúdo postado em sua página, sob risco de tornar-se ostensivo e repulsivo a futuros clientes. Em outras palavras, para não tornar-se chato perante o público consumidor, não faça isso.

Em suma, estabeleça lá no início da criação da página, qual a agenda de assuntos que deverá ser seguida para a realização das postagens. Ela também pode ser modificada quando necessário. Porém, mantenha-se coerente com a linha anteriormente ditada. Os conteúdos postados refletem sua empresa, portanto tenha cuidado para não expor opiniões que não sejam adequadas com o pensamento e que não estejam de acordo com a estratégia de comunicação da empresa.
.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. 
Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

.

WhatsApp chat