IBr Agência Digital | Blog

Como pesquisar imagens por cor no Google

Pesquisar imagens por cor no Google

Você sabia que pode pesquisar imagens por cor no Google? A funcionalidade não é muito recente, porém muita gente ainda não sabe como pesquisar imagens por cor no Google.

Você pode fazer buscas nas imagens do Google por qualquer palavra e, selecionando a cor no canto inferior esquerdo, a busca atualiza-se com imagens de cores relacionadas ao seu critério!

Veja o exemplo abaixo:

– Primeiramente pesquisamos por “cachorro”:

Como pesquisar imagens por cor no google

pesquisar imagens por cor

– Depois, marcamos a opção de cor preta: veja que os resultados se atualizam simultaneamente.

Como pesquisar imagens por cor no google

 – Basta um clique em outra cor, e…

Como pesquisar imagens por cor no google

.

Siga nossos perfis nas mídias sociais para receber notícias e dicas sobre tecnologia e o mundo digital!

.

.

Por Felipe Pereira
.
Administrador de Empresas e fundador da Intermidia Brasil.
>
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Otimização de Sites – Clientes na primeira página em buscas orgânicas

Na última semana registramos mais dois clientes com posicionamento destacado na busca orgânica do Google por suas principais palavras-chave.

No caso da Cia do Imóvel RS, a presença ativa nas mídias sociais, com interatividade diária, aliada às técnicas aplicadas no website, influenciaram positivamente a reputação junto ao principal motor de busca do mundo e o cliente, hoje, desfruta de posicionamento privilegiado nos resultados.

Confira abaixo dois exemplos:

Otimização de sites

Outro cliente, Kemper Brasil, especialista em isolamento e tratamento termo-acústico, destaca-se rapidamente através de posicionamento de busca local conquistado. As técnicas iniciais trabalhadas no SEO já permitiram uma grande mudança no gráfico de visitação orgânica do cliente:

Acompanhe nossos perfis no Twitter e Facebook. Por lá conversamos e publicamos diversas dicas e notícias sobre o mercado de otimização de sites para motores de busca – SEO.

.

.

Por Felipe Pereira
.
Administrador de Empresas e fundador da Intermidia Brasil.
>
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Como construir a imagem da sua marca nas redes sociais

Indiferente da enxurrada de blogs e especialistas que ensinam da forma mais didática possível como construir a imagem da sua marca nas redes sociais, ainda é muito frequente vermos empresas ‘queimando o filme’ por aí.

É extremamente importante entender que o público que as empresas pretendem atingir é totalmente diferente de qualquer outro meio de comunicação. Este é um público altamente dinâmico e exigente, quer interação, quer respostas às suas dúvidas e respostas rápidas e, principalmente, quer receber algo em troca da aproximação e atenção dada.

marca nas redes sociais

“Eu sou bom nisso!” “Hoje eu fiz muito sucesso!” “Eu sou o melhor!” “Eu eu eu eu!”. Sinceramente, você daria alguma atenção para uma pessoa assim?

Você se aproxima e dá credibilidade para alguém assim? Ninguém gosta de ficar ouvindo uma pessoa que só fala de si mesmo e não presta a atenção no que os outros estão falando na sua volta, imagine uma empresa!

Rede social tem esse nome por algum motivo, não concorda?  A empresa deve usá-la para promover coisas que sejam relevantes para a público que a cerca. Deve se tornar presente no dia-a-dia, com aproximação sensata e objetiva, tornando-se útil para seu cliente ou apenas para quem resolveu acompanhar a marca.

Para ser ouvido, primeiramente você precisa ouvir. Se quer que preste atenção em você, se envolva e crie uma conversa com seu público.

Se a marca não ouve o seu público, com certeza está desperdiçando tempo e dinheiro nas suas ações. E o que é pior: perdendo toda a credibilidade que algum dia teve.

 

Então escreve aí pra não esquecer:

Escute, responda, interaja e contribua.

.

.

Por Felipe Bing

Me acompanhe no Facebook e no Google+!

Postagens antigas em destaque no feed do Facebook

Atualizado em 02 de julho de 2012:

Imagem enviada por fã da nossa página, que voltou a visualizar a postagem vários dias após a mesma ter sido feita!

 feed do Facebook

Você já notou que pela manhã, ao abrir o Facebook, postagens de páginas de até uma semana atrás aparecem em destaque no feed de notícias?

Não? Pois é, melhor olhar com calma. Pois isso está ocorrendo com uma frequência cada vez maior.

Clique e veja um exemplo claro da confusão que o Facebook está fazendo com o seu feed de notícias

Mas o que seria isso? Algum problema? Você que não apertou F5 o suficiente? Déjà-vu?

Nada disso. Se trata apenas de mais uma estratégia do Facebook para dar visibilidade às postagens das Fan Pages. Pois é, isso porque uma média de apenas 15% da audiência recebe efetivamente a postagem feita por uma página. Então o nosso amigo Mark resolveu dar um empurrãozinho pra “ajudar” algumas Fan Pages.

Isso é ótimo para as Fan Pages de marcas, mas terrível para os usuários, principalmente os que abrem seu facebook diariamente para acompanhar as “novidades” e notícias mais recentes e atualizadas. Ao invés disso enxergam postagens antigas, e é preciso rolar muito pra baixo no feed pra poder ver algo realmente novo. Isto quando as antigas e as novas não se misturam confundindo totalmente o usuário e o deixando com aquela sensação de Déjà-vu.

Outra coisa que nos chamou a atenção aqui, foi que esta semana vimos um banner em flash, daqueles “Perca a barriga em 3 dias clicando aqui!”, em ambos os lados do feed de noticias.

Por um momento achei que estava acessando o Yahoo. Foi bem incomum.

Mas porque tudo isso tão subitamente? Com as ações do Facebook em queda e cada vez mais especulações acerca do futuro da companhia, seriam estas medidas desesperadas para capitalizar?

Mark Zuckerberg estaria vendendo sua alma a tão módicas quantias?

Vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos….

E você caro internauta Facebook Heavy User, o que acha de tudo isso? Queremos saber seu ponto de vista.

.

.

.

Por Felipe Bing

Me acompanhe no Facebook e no Google+!

Facebook e Twitter perdem espaço para Google+ em Motores de Busca

Percebemos, já algum tempo, que o Google está incluindo a sua rede social Google+ nos resultados das pesquisas e isto está fazendo o Facebook e Twitter perderem espaço para o Google+ nos Motores de Busca.

O que não imaginávamos é que isto seria feito de forma tão rápida e tão brusca. Hoje, em determinadas pesquisas, o Google simplesmente não mostra os resultados de Twitter e Facebook na primeira página. Por exemplo: se você pesquisar no Google o nome de uma grande empresa, provavelmente o primeiro resultado será o site dela. Caso a empresa tenha perfis oficiais nas mídias sociais e tenha colocado links para elas em seu site, o robozinho do Google já estará avisado sobre os perfis oficiais e incluirá estes perfis nos resultados das buscas. Anteriormente, a primeira página era tomada por perfis oficiais da empresa pesquisada. Twitter, Facebook, Flicker, Youtube etc… tudo aparecia na primeira página, pois eram tidos como canais oficiais da empresa em pesquisa.

Pois agora tivemos uma grande mudança. O Google dá destaque – e cada vez maior – para os perfis oficiais das empresas na sua rede social Google+. Além deste destaque, a gigante parou de mostrar nos resultados os perfis oficiais, principalmente, do Facebook.

O maior prejudicado nas pesquisas está sendo o Facebook. Assista ao vídeo, logo após o texto, onde demonstramos um exemplo prático do que o Google está fazendo.

Facebook twitter perdem espaço nos motores de busca

Quanto a isso, tudo bem: a Google é dona do site de buscas e dona da rede social Google+, e ela faz o que bem entender com elas. Porém, o lema da empresa é “Proporcionar e melhorar, sempre, a experiência do usuário, mostrando resultados relevantes e atendendo-os de forma satisfatória”.

Pra mim, isto é contraditório, pois os perfis e comportamento (pelo menos na data de hoje) das empresas presentes nessas três mídias sociais são bastante distintos.  O canal de menor interatividade na maioria dos casos é o do Google+. E o Twitter, meio de comunicação imediato e em tempo real, poderia ser considerado ‘não relevante’ pelo mecanismo de busca? Claro que não.

O jeito é se adaptar. Se você é responsável pela parte digital ou possui alguma empresa, prepare sua página o quanto antes e comece a interagir no Google+ também. Em pouco tempo as pessoas irão pesquisar o serviço/produto que estão precisando e aquelas empresas que estiverem no Google+ com bastante interatividade no grupo de amigos do usuário serão beneficiadas nos resultados!

Não tem outra saída. Pelo menos não enquanto o Google dominar mais de 97% das buscas no Brasil.

Assista abaixo e deixe sua opinião nos comentários! 🙂


.
.

.

.
Por Felipe Pereira
.
Administrador de Empresas e fundador da Intermidia Brasil.
>
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

WhatsApp chat