Arquivos Digital - Página 2 de 5 -

Uma referência nas mídias sociais

Como se tornar uma referência nas mídias sociais?

Construção de autoridade e emissão de opinião estão entre os fatores responsáveis

Fazer parte da opinião pública é um dos ideais buscados por quem deseja ter influência sobre parcelas da população através do lançamento de ideias e impressões a respeito dos mais diversos assuntos.

Tradicionalmente, ser parte da opinião pública está atrelado à um veículo de comunicação tradicional e recebe todo o respaldo que a força desses veículos trazem consigo. Mas, nem todos os espaços públicos agora são dominados pela grande mídia.

autoridade-midias-sociais

A internet possibilitou democratizar os espaços de opinião, dando liberdade para o surgimento de emissores de opinião que passam a ter uma relevância impensada em tempos anteriores, alcançando um público cada vez maior.

A construção de autoridade para emitir opinião sobre algum assunto não é mais exclusividade de uma pessoa sustentada por uma corporação midiática que dita o que deve ou não ser dito e o que está ou não errado.

Talvez os maiores exemplos de criação de poderosas vozes opinativas com ares ascendência sobre o público sejam os vlogueiros do Youtube que, em sua maioria, saíram daquele ambiente para alçar voos maiores. Eles vinham do anonimato e, através do poder multiplicador da internet, conseguiram espalhar sua palavra.

Esses exemplos de sucesso dão conta que é possível estabelecer uma persona com autoridade para emitir opinião e granjear um público ouvinte através apenas do trabalho nas mídias sociais.

O segredo reside na maneira de se posicionar no ambiente virtual e criar um discurso acessível para todos, aumentando o potencial de expansão das ideias transmitidas na hora de emissão da opinião.

Evitar postagens banais ajuda a pavimentar o caminho para a expressão de opinião quando isso é necessário e não ter medo de se posicionar sobre temas polêmicos também é um requisito necessário para desenvolver o poder de fazer parte da opinião pública dentro das mídias sociais.

Lembre-se sempre que o conteúdo postado tem de ser relevante para ser colocado em um poste na frente de todas as pessoas na rua e ficar ali exposto, essa é a ideia de relevância ensinado pelos teóricos da comunicação. Portanto, não perca seu tempo com coisas fúteis para assumir papel destacado nas interações sociais.
.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. 
Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

.

Instagram ou Snapchat? Veja as diferenças!

[Atualizado em 03 de agosto de 2016]

Instagram ou Snapchat?

Veja as diferenças nas mídias de compartilhamento

Os dois programas de compartilhamento de fotos e vídeos tem um número grande de similaridades. Também por isso, competem ferrenhamente pela preferência do público. Os usuários se dividem entre as duas ferramentas.

Dono do Instagram, o Facebook, espera que o seu aplicativo possa concorrer com o Snapchat, que recusou uma proposta de aquisição pela mídia social de Mark Zuckerberg, feita por três bilhões de dólares: dois milhões a mais do que custou para comprar o Instagram.

Instagram ou Snapchat - Veja as diferenças

Para sabermos o quão próximos são os dois aplicativos, vamos fazer uma comparação entre eles, item por item e descobrir suas semelhanças e diferenças:

Tirando fotos – Ambos permitem fotografar e tem uma configuração semelhante para fazer fotos. A diferença está na possibilidade do Instagram de publicar fotos que estejam na memória do seu celular. Tal recurso não é possível no Snapchat.

Fazendo vídeos – Prevalece a mesma lógica das fotos, com uma diferença a mais. Os vídeos do Snapchat tem duração de 10 segundos, já os do Instagram podem durar até 60 segundos.

FiltrosO Instagram e o Snapchat possuem a funcionalidade de aplicação de filtros na foto, modificando a cor e a luz da fotografia. No entanto, há diversos filtros diferentes no Snapchat, complementando a imagem a ser postada. Na última atualização, o Instagram inseriu funcionalidades que se assemelham em muito ao Snapchat, uma verdadeira cópia, mas não ainda com todos os emoticons disponíveis que há no Snapchat.

Desenhos – Os desenhos só podiam ser aplicados nas fotos por usuários do Snapchat, que tem uma variedade de cores para aplicar em seus desenhos. Também é possível adicionar textos às fotografias. Essa última opção também está, agora, inserida na função histórias, criada pelo Instagram.

TimerOs usuários do Snapchat podem escolher por quanto tempo o conteúdo disponibilizado ficará visível por quem acessá-lo. Esse tempo pode variar entre um e dez segundos nas fotos. Se for de interesse do usuário a foto pode ficar em seu feed. Com isso, estará visível para todos por um período de 24 horas. Também na atualização de agosto/2016, o Instagram inseriu a função ao seu aplicativo, onde as histórias compartilhadas permaneceram ‘vivas’ por 24 horas e o usuário pode escolher se a postagem fica no seu perfil ou se somente vai para a sua ‘história’ e la permanece por apenas 24 horas.

Enviando fotos/vídeos – Com as atualizações do Instagram, agora é possível enviar uma foto para um usuário em específico. Esse compartilhamento pode ser feito com até 15 pessoas, diferentemente do Snapchat, que não estipula um limite para essa interação. No Snapchat, as mensagens trocadas de forma privada se auto-destroem após serem lidas.

Comentários e likesSó no Instagram é possível gostar e comentar uma foto ou um vídeo. No Snapchat, se o usuário quiser interagir com a foto ou vídeo, abre-se um chat privado.

Feed – Ambos têm feed de conteúdo. No Snapchat, organiza-se por ordem cronológica. Já no Instagram, também em atualização feita no primeiro semestre de 2016, já há algoritmo atuando para determinar quais conteúdos o usuário verá primeiro.

Publicidade – Até o momento apenas o Instagram possui conteúdos patrocinados.

E você, acha que com as novas funções o Instagram vai tirar o Snapchat do seu caminho?
.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. 
Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Problema nas fontes do Corel Draw X6

Desde ontem detectamos um problema em algumas fontes nas artes em Corel Draw X6 aqui na agência. As famílias das fontes Type One e Open Type, instaladas no sistema simplesmente sumiram!

Sendo assim resolvemos ir atrás do problema. Sem solução aparente, acabamos reinstalando o sistema operacional de alguns computadores e a princípio o problema foi sanado.

Hoje ao instalar algumas atualizações do windows o problema voltou a ocorrer. Muitas reinicializações depois, descobrimos que o problema era em uma das atualizações: a KB2753842. Indicado na imagem abaixo.

Para desinstalar esta atualização faça o seguinte procedimento:

Clique  em Painel de Controle > Programas > Exibir atualizações instaladas | Localize a atualização de segurança KB2753842 e clique em Remover.  Após isso o windows pedirá para ser reiniciado.

Para impedir que esta atualização seja instalada futuramente basta ocultá-la na lista de atualizações a serem instaladas. (Clique com o botão direito > Ocultar atualização.

Be happy! 😉

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Livro “Marketing Digital: a internet otimizando negócios”

Livro Marketing Digital – atualizado!

Obra que aborda o marketing digital foi destaque na Feira do Livro de Porto Alegre

Oi gente!

Atualizando o post com o conteúdo novo do livro, pois foi revisado no final de 2016 com a segunda edição! Em 2018 teremos a terceira! =D

Para adquirir a versão impressa, basta clicar no link! =D

EM ESTOQUE

 

Livro Marketing Digital

Livro Marketing Digital

Prezados amigos,

Hoje escrevo para informá-los que lancei meu primeiro livro, no dia 08 de novembro de 2012, na 58ª Feira do Livro de Porto Alegre!

Na obra, proponho algo diferente do que estamos acostumados a ver nas leituras do nosso dia-a-dia. Não se trata nem de uma bíblia e nem mesmo de uma metodologia. É algo amplo e ao mesmo tempo direto. Faça o que está escrito que em pouco tempo terás resultados positivos! E é fato: escrevi apenas aquilo que já testei comigo. Houve erros, obviamente, mas esses erros e testes foram realizados comigo e, agora, trago até vocês esse resultado de muita leitura e trabalho.

Pense que o maior desafio para um micro e pequeno empresário sempre foi conquistar mais clientes.

No formato tradicional, você fazia isso pelo telefone, pelo porta a porta, esperava alguma indicação… você pode continuar, sim, com essas ações. Porém, agora tens uma grande aliada: a internet.

Minha proposta é mostrar que a presença na internet, com trabalho contínuo e disciplinado, pode lhe gerar frutos em pouco tempo. Mostrar tudo isto de forma simples, direta e precisa. Você não precisa ser um grande entendedor e especialista em internet para colher os frutos dessa leitura. O ambiente digital lhe proporciona isto.

Terás condições de, em poucos passos, estabelecer seu marketing e comunicação digital desde o desenvolvimento do site de forma prática, até o relacionamento em mídias sociais e prospecção de contatos comerciais via motores de busca.

Faremos uma abordagem ampla e, ao mesmo tempo, prática, a respeito de todas as alternativas que a internet apresenta e de que forma tirar proveito delas com o uso da presença ativa, responsável e influente.

Você pode adquirir meu livro de marketing digital acessando aqui, na loja virtual da Editora, ou entrando em contato comigo pelo Facebook ou Twitter! 🙂

 

Um abraço e até mais!

.

.

felipeFelipe A Pereira

Administrador de Empresas e fundador da Intermidia Brasil.
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Já conhece o motor de busca Duck Duck Go?

Quando você faz uma busca você espera que os resultados sejam iguais ao de todos que fazem a mesma busca, certo?

Eli Pariser em 2011 ministrou um TED falando sobre a bolha de resultados do Google (também escrevi sobre isso aqui), onde os motores do Google alteram os resultados das buscas conforme o perfil de navegação de cada internauta. Bom, que isso funciona assim já estamos carecas de saber.

Então pensando nisto a Duck Duck Go, um motor de busca da Transilvânia e ainda pouco conhecido por aqui, trás a proposta de gerar resultados mais relevantes nas buscas sem que o perfil de navegação do internauta influencie. A filosofia da Duck Duck Go enfatiza a privacidade e não registra as informações do usuário.

Não existem estatísticas exatas do número de visitas ao Duck Duck Go. Contudo, a Compete.com obteve uma estimativa de 199.441 visitas e Alexa relatou um crescimento de 134% em 3 meses.

A proposta é interessante para os internautas, mas não é muito atrativa para anunciantes…
Mesmo assim acho que vale fazer alguns testes nesta ferramenta.

A grande questão levantada pela DDG nisto tudo é: “Não é o que você está conseguindo nos resultados, mas sim o que você está perdendo!”

Assista o vídeo da Duck Duck Go: http://bit.ly/P9NmMJ

Por Felipe Bing
Me acompanhe no Facebook e no Google+!

WhatsApp chat