Arquivos Facebook - Página 2 de 23 -

Facebook testa remoção do conteúdo de páginas do feed de notícias!

Facebook testa remoção do conteúdo de páginas do feed

Em alguns países o teste está fazendo com que o conteúdo de páginas seja totalmente removido do feed. Há, nesses testes, uma nova aba, onde se concentram os posts de páginas. No feed, permanecem apenas postagens de amigos e anúncios.

Em seis países o Facebook está testando esse novo conteúdo no feed de notícias dos usuários. Antes um espaço gratuito, agora o feed será disputado por páginas apenas por anúncios. Assim como qualquer mídia para empresas, provavelmente o feed de notícias dos usuários será um espaço publicitário para páginas, apenas – além, claro, das postagens dos amigos.

As postagens das páginas (que já tiveram seus alcances orgânicos derrubados e possuem um alcance médio de 5 a 10% atualmente em out/2017) registram mais queda ainda na audiência.

Pelo que podemos perceber, a era do compartilhamento viral está mudando. Anteriormente, um bom conteúdo criado pelo seu analista já lhe garantia boas chances de ótimos alcances orgânicos e grande potencial de viralização. Agora, parece que o cenário vai mudar.

Obviamente, o Facebook espera gerar mais receita com essa atitude. No entanto, para os criadores de conteúdo e analistas, creio que seja um momento de inovar. De acordo com as fontes consultadas, os países que recebem o teste são Eslováquia, Sri Lanka, Bolívia, Sérvia, Camboja e Guatemala.

Segundo o Facebook, os testes estão sendo realizados porque “as pessoas mostram que querem uma maneira mais fácil de ver publicações de amigos e familiares. Então, criamos dois espaços diferentes em dois feed’s: um com dedicação à amigos e familiares e outro com conteúdo postado por páginas”. O Facebook diz, ainda, que não tem planos atualmente para tornar o novo feed em todo o mundo.

O novo feed – chamado de Explorar – não parece ter atraído muitos usuários. Na Eslováquia, as 60 maiores páginas do país sofreram quedas consideráveis. Com novos feeds, o Facebook cria novos espaços para chamar a atenção dos usuários e, também, novos espaços para inserção de publicidade.

Mesmo o Facebook informando que não há intenções de tornar universal a alteração, vamos aguardar! =D

.

@FelipeAPereira

Administrador de Empresas, Consultor de Marketing e CEO da Agência Ibr.
Autor do livro “Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios”
Interaja comigo nas mídias sociais! =D
Facebook | Twitter | LinkedIn | Instagram | felipe@felipeapereira.com.br

Facebook recebe multa de R$ 4,5 milhões por uso indevido da privacidade de seus usuários

Facebook recebe multa de R$ 4,5 milhões por uso indevido da privacidade de seus usuários

Uma das principais fontes de lucro do Facebook é a publicidade direcionada; aquelas que conseguem atingir determinados grupos de pessoas levando em conta diversos fatores como: gênero, idade, hobbies e interesses em comum.

Na última semana, um órgão regulador de mídia espanhol (APD), aplicou uma multa na empresa de Mark Zuckerberg no valor de 1,2 milhão de Euros, afirmando que a política da empresa com relação aos dados pessoais de seus usuários não é clara, e que a plataforma utiliza-se de informações subliminares nos perfis para conseguir direcionar ainda melhor os anúncios posteriormente.

“Usuários escolhem quais informações eles querem adicionar aos seus perfis e compartilhar com outras pessoas”, disse a empresa. “Entretanto, nós não usamos essas informações do perfil para direcionar publicidade às pessoas”, afirmou a empresa, garantindo que vai recorrer da decisão.

Um caso muito semelhante ocorreu com a rede social na Bélgica no ano passado. Na ocasião, os advogados do Facebook recorreram da decisão e venceram, alegando que o data center da empresa tinha sede na Irlanda, e por esse motivo responderia, se fosse o caso, somente à justiça irlandesa.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Facebook lança o Watch: a plataforma para brigar com Youtube e Netflix

Facebook lança o Watch: a plataforma para brigar com Youtube e Netflix

 

 

 

 

O Facebook decidiu entrar na briga contra YouTube e Netflix pelo mercado dos conteúdos em vídeo. Foi lançado esta semana o Watch: sua mais nova plataforma de vídeos, que promete, além de conteúdos como reality shows e seriados de comédia, as transmissões esportivas ao vivo.

Através de uma publicação no seu blog, o Facebook revelou que o conteúdo sugerido na “WatchList” do usuário será baseado nos gostos e preferências que ele apresenta ao utilizar o seu Facebook, como os tipos de página que segue. As preferências dos principais amigos também serão levados em conta no algoritmo da mais nova plataforma de Mark Zuckerberg.

“Aprendemos que as pessoas gostam de descobrir vídeos em suas páginas, mas elas também querem um lugar dedicado em que podem ir e assistir a eles”, disse o diretor de produto do Facebook, Daniel Banker.

A nova plataforma ainda não está liberada para todos. Somente um pequeno grupo de usuários americanos já conta com o Watch em seus Facebooks..

“O Watch é uma plataforma para que todos os criadores de conteúdo e veículos de mídia possam encontrar uma audiência, criar uma comunidade de fãs e ganhar dinheiro por seu trabalho”, finalizou Banker.

 

 

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Facebook altera o seu algoritmo para priorizar links de sites com carregamento rápido

Facebook altera o seu algoritmo para priorizar links de sites com carregamento rápido

 

 

O Facebook anunciou na semana passada que vai realizar uma alteração no seu algoritmo, com objetivo de dar prioridade aos links de sites que possuem carregamento rápido.

“Com esse update, em breve vamos levar em conta o tempo estimado de carregamento de uma página web em que alguém clica a partir de qualquer link no Feed de Notícias no aplicativo móvel. Fatores como a conexão atual da pessoa e a velocidade geral da página correspondente serão considerados. Caso os sinais indiquem, a webpage será carregada rapidamente, então o link desta página poderá aparecer mais alto no seu Feed”, revelou a empresa em uma postagem na última quarta-feira (2).

A alteração não vai eliminar os links de sites com carregamento demorado, mas as páginas com carregamento mais rápido aparecerão com prioridade no feed de notícias.

O Facebook também publicou um guia com diversas dicas para os desenvolvedores que buscam otimizar a velocidade do carregamento de suas páginas.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Facebook atinge a marca de 2 bilhões de usuários

Facebook atinge a marca de 2 bilhões de usuários

 

 

O Facebook anunciou ontem (27) que atingiu a incrível marca de 2 bilhões de usuários. O primeiro bilhão foi alcançado quase cinco anos atrás em 2012

“Estamos fazendo progresso em conectar o mundo, e agora vamos tornar o mundo mais próximo. É uma honra participar desta jornada com vocês”, disse Mark Zuckerberg, CEO do Facebook, através de uma postagem.

Fora a revelação dos 2 bilhões de usuários, Zuckerberg também revelou que em apenas um dia, a reaction “amei” é usada por mais de 175 milhões de pessoas, enquanto a reaction “curtir” é utilizada por mais de 800 milhões de pessoas diariamente.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

WhatsApp chat