Arquivos Google - Página 7 de 13 -

Google altera a cor das etiquetas dos anúncios

Google altera a cor das etiquetas dos anúncios

Os anúncios do Google Adwords, que sempre foram visualizados com etiquetas amarelas, foi alterado para a cor verde (Green “Ad” Tag).

No início de abril, alguns usuários começaram a perceber esta alteração, contudo, na ultima quarta-feira, o Google informou ao site Search Engine Land que foi realizado uma pesquisa de aceitação com 5% dos anúncios, e o resultado foi satisfatório.

A alteração está sendo feita de forma gradual, mas em breve será aplicado o verde em todas as etiquetas dos anúncios

O porta voz do Google informou que a empresa sempre avalia novas ideias para melhorar a aparência do resultado das buscas, de forma que facilite o uso com uma fácil visualização.

A cor verde já era encontrada na url, que fica ao lado da etiqueta, e por isso houve uma certa dúvida no sentido da etiqueta receber a mesma cor, entretanto, o Google revelou que após os testes, percebeu-se que este detalhe não prejudicava o uso e a visualização dos anúncios.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Google anuncia o Android Nearby: o novo robô que promete trazer muitas facilidades

Google anuncia o Android Nearby: o novo robô que promete trazer muitas facilidades

Foi anunciado pela Google, que o Android Nearby será ativado em algumas semanas, de forma gradual, em todo o mundo.

Trata-se do novo robô da empresa, que funcionará com estabelecimentos credenciados, como, por exemplo, cinemas, bares, restaurantes e museus.

Nestes pontos serão instalados emissores com sinal de Bluetoooth, e quando o usuário passar perto destes locais, receberá informações, cardápios ou anúncios com promoções e outras diversas facilidades que estão por vir.

Exemplificando, se um usuário passar por um restaurante participante do Android Nearby, poderá ser oferecido na tela de seu smartphone que ele instale o aplicativo do estabelecimento,  de forma que ele possa adiantar o seu pedido e até mesmo efetuar de forma rápida e prática o pagamento.

Para ter acesso à novidade, o smartphone deve estar com a versão 9.2 ou superior do Google Play Services e, inicialmente, os Androids compatíveis são o Marshmallow, Lollipop e o N.

Atendendo estes pré-requisitos, basta o aparelho estar com  o seu sistema de localização e o seu Bluetooth  ligados, e sempre que o usuário passar pela primeira vez por um local ou estabelecimento credenciado, ele receberá um convite para acompanhar aquele sinal a partir daquele momento.

Mesmo antes do seu lançamento, já existem três empresas pré credenciadas, que são a CVS, a United Airlines e o museu Broad, localizado em Los Angeles, Estados Unidos.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Google Assistent se tornará mais humano e mais interativo

Google Assistent se tornará mais humano e mais interativo

Sem sombra de dúvidas, entramos num novo estágio da evolução tecnológica

Ideias futurísticas, que num passado não muito distante pareciam conteúdo exclusivo de filmes de ficção científica, tornaram-se possíveis com o grande avanço tecnológico.

Não é mais nenhuma novidade que o Google é uma das empresas que mais investe em modernidade e inovação.

Na última feira realizada pela empresa, a I\O, foi revelado inovações no Google Assistent, (o substituto do Google Now), com o objetivo de deixá-lo mais humano, investindo forte na evolução da inteligência artificial, possibilitando ao usuário conversar com o assistente sobre diversos assuntos, inclusive com o robô dando opiniões, ou até mesmo contando piadas.

Foram dados alguns exemplos de novidades encontradas no assistente, como o comando de voz para fotografar uma selfie, sem precisar de um botão ou clique, ou um pedido pra localizar filmes em cartaz nos cinemas e seus respectivos horários, entre diversas outras novidades.

O grande responsável por dar vida ao novo assistente, Ryan Germick, com a ajuda da artista Emma Coats, terão a missão de tornar o Google Assistent em algo tipo “o melhor amigo” do usuário, fazendo com que ele seja capaz de fazer o usuário, por alguns momentos, ter a real sensação de estar conversando com uma pessoa.

O robô terá a capacidade de responder perguntas sobre ele mesmo, como qual seria a opinião dele referente a diversos assuntos.

Agora é esperar pra ver se o assistente da gigante de buscas conseguirá de fato nos impressionar com tanto realismo, de acordo com o que foi prometido.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Google teve uma grande sacada estratégica com a criação do Gboard para iPhone

Google teve uma grande sacada estratégica com a criação do Gboard para iPhone

Há algumas semanas fizemos uma matéria falando sobre o Gboard, o novo teclado da Google feito para iPhones.

Pode-se concluir que o teclado tem diversos pontos positivos com relação ao teclado tradicional da Apple, pois ele é compatível a todos os aplicativos, facilitando trocas de conteúdos entre participantes de um bate papo e, também, possui um grande acervo de GIFs e Emojis. Para ter acesso ao conteúdo basta acionar um simples botão e tudo se encontra de forma rápida e prática ao usuário.

O que motivou o Google a criar um teclado exclusivo para iPhone?

Esta foi a grande sacada! Quem acompanha sua evolução em termos de tecnologia sabe que a gigante das buscas não brinca em serviço quando o assunto é inovar com grandes idéias. Sempre buscando o topo e, obviamente, um maior retorno financeiro.

Em contrapartida ao Google e como já sabemos, a Apple possui uma política de privacidade e de direitos autorais muito forte desde sempre. Desde os primeiros iPods nunca foi possível transferir o conteúdo de um aparelho para um computador, por exemplo.

Atualmente, a Apple está envolvida numa disputa judicial com o FBI referente ao desbloqueio de iPhones utilizados por terroristas e a empresa é irredutível em mudar sua postura, alegando que todos os dados são criptografados e que nem mesmo ela seria capaz de rever o conteúdo.

Aí então é que o Google cria um teclado que simplesmente possibilita saber praticamente tudo que o usuário acessa no aparelho, quebrando toda a lógica de privacidade da Apple. Consequentemente, o Google aumentará seus lucros, pois passa a ter acesso às informações de usuários, de forma que pode direcionar de forma mais otimizada seus anúncios para os fãs da Apple e do iPhone.

Espertos não?

Vale lembrar que o Gboard só pode ser baixado na App Store americana, mas em breve estará disponível na loja brasileira.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Google projeta Android com aplicativos que reagem conforme o ambiente

Google projeta Android com aplicativos que reagem conforme o ambiente

Em evento realizado semana passada, a Google I\O, convenção anual da empresa, direcionada especialmente para desenvolvedores, o Google anunciou diversas novidades.

Uma delas é a intenção de projetar o Android para ser compatível com aplicativos que tenham a capacidade de reconhecer diversas variações no ambiente e nas ações do usuário.

Essas variações serão identificadas pelas chamadas “APIs” de consciência, que são um conjunto de programações para o Android que terão a capacidade de identificar diversas características no dia a dia do usuário, tais como a hora, temperatura, movimento do celular, saber se o proprietário está parado, caminhando ou correndo, entre outras sensibilidades.

Essa maior sensibilidade do Android com o ambiente em sua volta, permitirá ao usuário um novo leque de configurações ao seu smartphone, como, por exemplo, toda vez que se plugar um fone com o usuário correndo, ficará definido para disparar sua playlist de músicas automaticamente, ou o acionamento automático da lanterna quando o Android identificar o ambiente muito escuro, e até mesmo o acionamento da câmera quando o aparelho for segurado com o braço estendido para a frente, entre diversas outras possibilidades.

A ideia do Google é fazer o futuro chegar nas nossas vidas cada vez mais rápido, e não caberá somente à empresa, mas principalmente aos desenvolvedores de aplicativos conseguirem usufruir de forma produtiva da nova tecnologia.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

WhatsApp chat