Arquivos Mobile - Página 14 de 21 -

Facebook pretende inserir anúncios nas transmissões ao vivo

Facebook pretende inserir anúncios nas transmissões ao vivo

 

Foi revelado por um representante do Facebook que a empresa está testando a utilização de anúncios no Facebook Live, seu recente recurso de transmissões ao vivo.

O que causa surpresa é o fato de Mark Zuckerberg ter comentado, quando foi lançado o Facebook Live, que não tinha intenção de possibilitar a inclusão de anúncios nas transmissões, pois arruinariam a ferramenta, como acontece com os anúncios do Youtube, por exemplo.

Surpreende ainda mais o fato de que os anúncios estão sendo testados inseridos a partir dos 5 minutos de vídeo, e não no inicio, e sua duração poderá ter até 15 segundos.

Pra quem considerava desagradável os anúncios no inicio dos vídeos do Youtube, buscar inseri-los mo meio da sua transmissão é, no mínimo, curioso.

Parece que a ferramenta de transmissão ao vivo não atingiu o sucesso esperado, e constatou-se que os criadores de conteúdo demonstraram pouco interesse até então, pois o Facebook Live não possui opção de monetização, o que nos explica a mudança estratégica de Zuckerberg.

Ainda não existe como controlar onde as campanhas irão aparecer, por isso muitos dos anunciantes não aderiram a fase de testes.

Não existe previsão de data para a atualização.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Conheça o Trackr: a solução barata para rastrear tudo que você quiser

Conheça o Trackr: a solução barata para rastrear tudo que você quiser

Já pensou se fosse possível localizar, através do seu smartphone, seu carro, objetos em geral, e até mesmo pessoas ou animais?

Este serviço já é uma realidade, e é oferecido pelo “Trackr”, que é um sensor do tamanho de uma moeda, e o usuário pode escondê-lo em qualquer coisa que tenha medo de perder.

Basta instalar o aplicativo do Trackr no seu smartphone e configurar o sensor, para que você nunca mais perca de vista o que você decidir que esteja sempre ao seu alcance.

Por ser do tamanho de uma moeda, se bem escondido, o ladrão dificilmente conseguirá saber que o seu carro possui o rastreador, e isto vai facilitar muito para a polícia recuperá-lo.

Contudo, o produto não foi projetado somente para prevenção de roubos, mas também para localizar animais, crianças, carteira, chave do carro, enfim, o que você quiser.

De um modo geral, basta esconder bem o produto no objeto, pessoa ou animal que desejar, como, por exemplo, no calçado do seu filho, pois numa situação de pânico como um sequestro, o rastreamento só será interrompido se tirarem o tênis da criança, o que é  improvável.

O melhor de tudo isso é o valor. O trackr custa somente 29 euros, e o usuário pode usar vários dispositivos ao mesmo tempo, e quando precisar rastrear, é só identificar na lista de dispositivos no aplicativo, qual deles você necessita localizar.

Para adquiri-lo, basta realizar a compra no site do Trackr, e a empresa envia para qualquer lugar do mundo.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Após bloquear R$ 38 milhões do WhatsApp, justiça brasileira pode proibir pela quarta vez o aplicativo no Brasil

Após bloquear R$ 38 milhões do WhatsApp, justiça brasileira pode proibir pela quarta vez o aplicativo no Brasil

 

Os bloqueios do WhatsApp, realizados pela justiça brasileira, já ocorreram três vezes, e ao que tudo indica, a qualquer momento a proibição do funcionamento poderá acontecer novamente.

Na última quarta, o Ministério Público Federal do Amazonas informou que realizou o bloqueio de R$ 38 milhões do WhatsApp, valor este, referente as diversas multas anteriormente aplicadas judicialmente à empresa por não cumprir com a ordem de disponibilizar dados cadastrais e conversas de usuários do aplicativo com suposto envolvimento em crimes.

Segundo o procurador da república, Alexandre Jabur, o fato da empresa não cumprir as ordens judiciais caracteriza ato atentatório à dignidade da justiça, e além de gerar as multas, possibilita a determinação da suspensão dos serviços prestados pela empresa no Brasil.

O Facebook argumenta que o WhatsApp está sob responsabilidade das operações da companhia nos EUA e Irlanda. Contudo, a justiça brasileira alega que o posicionamento da empresa fere os acordos de cooperação internacional, e alguns artigos do Marco Civil da internet, que determinam que as empresas devem se adequar à legislação local do país em questão.

Na dúvida, vale a pena ter sempre instalado no seu smartphone o Telegram.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Após queda nas vendas, Apple liga o sinal de alerta

Após queda nas vendas, Apple liga o sinal de alerta

 

Após diversos anos de constante crescimento, a Apple anunciou que as vendas do iPhone, que é o produto mais vendido pela empresa, teve uma redução de 15% nas vendas, no terceiro trimestre fiscal, com relação ao mesmo período em 2015.

Não chega a ser uma crise, pois foram vendidos mais de 40 milhões de unidades do aparelho neste período em 2016, gerando uma receita de US$ 24 bilhões.

Contudo, se esses números continuarem a cair, essa redução nas vendas pode gerar problemas mais graves a longo prazo.

Na verdade, o mercado de smartphones, como um todo, deu uma desaquecida nos últimos meses, mas de qualquer forma, a Apple está preocupada com uma possível diminuição do interesse de seus usuários pelos produtos da maça mordida.

O que mais assusta é o fato de que o iPhone é o produto mais vendido da marca, sendo responsável por mais de 50% do total das vendas. Portanto, se realmente houver continuidade nesta redução na comercialização do produto,  problemas mais sérios poderão começar a se instaurar na empresa.

Também foi identificada uma queda nas vendas dos iPads e Macs, com números inferiores ao mesmo período em 2015 , com 10 milhões de unidades vendidas, enquanto no ano passado foram 10,9 milhões.

A boa notícia é o aumento de arrecadação com o iTunes, Apple Music e App Store, com um faturamento de US$ 6 bilhões, e um aumento de 19% nas receitas com relação ao ano anterior.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Buscando economizar pacote de dados dos usuários, Google Maps lança o modo “apenas Wi-Fi”

Buscando economizar pacote de dados dos usuários, Google Maps lança o modo “apenas Wi-Fi”

Muitos aplicativos para smartphones foram pensados e criados com o objetivo de trazer facilidades para nossas vidas, como é o caso do Google Maps, que é um dos principais serviços de localização na internet hoje em dia.

Apesar do serviço de mapas da gigante das buscas ser muito eficiente, ele possuía um problema ao ser usado no 3G ou 4G: o alto consumo de dados.

Pensando nisso, o Google preparou uma atualização que será liberada em breve, onde o download do conteúdo dos mapas será realizado somente em conexão Wi-Fi.

A utilização da nova ferramenta não é obrigatória, podendo o usuário ativá-la ou não nas configurações do aplicativo.

A atualização contará também com uma caixa pop-up, que fornecerá informações do consumo, pois mesmo que o recurso “apenas Wi-Fi” esteja ativado, em algumas ocasiões o Google Maps ainda realizará um consumo pelo 3G e 4G, mas será baixíssimo com relação ao consumo normal que era realizado até então.

É preciso ter instalada a ultima versão 9.32.1 do Google Maps, e a atualização está sendo aplicada gradativamente.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

WhatsApp chat