Arquivos android - Página 2 de 2 -

Google vai produzir seu próprio smartphone

Google vai produzir seu próprio smartphone

Segundo o site “The Telegraphy”, fontes seguras revelaram que, ainda este ano, o Google entrará na briga do concorrido mercado dos smartphones.

Não é uma notícia surpreendente, levando em conta que o Google é uma das empresas mais atentas às novas tendências no setor de tecnologia e informação, portanto, já era de se se esperar, em algum momento, uma notícia semelhante a esta.

Foi informado, que a gigante de buscas está em processo de negociação com as principais operadoras de telefonia móvel do mundo, com o objetivo de alavancar estratégias para a entrada neste mercado.

Na verdade, o Google já está há muito tempo dentro deste segmento de smartphones, com o Android, e a cada cinco smartphones vendidos no mundo, quatro possuem o Android como sistema operacional.

O Google mantém grandes parcerias com os principais fabricantes de smartphones, para rodarem o Android, e o principal caso é com a Samsung, que possui o Android em todos os seus aparelhos.

Uma das razões para a realização deste projeto, é o histórico positivo traçado pela  Apple, pois ela possui o controle de software e hardware dos seus produtos, fazendo seus aparelhos serem totalmente compatíveis com o sistema operacional, afinal de contas, ela é responsável por sistema operacional e aparelho, e o mínimo que ela pode oferecer aos seus consumidores é a compatibilidade total de software e hardware.

Acontece com muita frequência, de aparelhos de diversas marcas que possuem o Android como sistema operacional, atualizarem o sistema para uma nova versão do Android e ocorrer problemas no funcionamento do mesmo, fato que seria eliminado para quem utilizar o smartphone de fabricação do Google.

Está fora de cogitação a extinção do Android nos smartphones das diversas marcas que já o utilizam.

As parcerias do Google com estas empresas permanecerão existindo.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Google projeta Android com aplicativos que reagem conforme o ambiente

Google projeta Android com aplicativos que reagem conforme o ambiente

Em evento realizado semana passada, a Google I\O, convenção anual da empresa, direcionada especialmente para desenvolvedores, o Google anunciou diversas novidades.

Uma delas é a intenção de projetar o Android para ser compatível com aplicativos que tenham a capacidade de reconhecer diversas variações no ambiente e nas ações do usuário.

Essas variações serão identificadas pelas chamadas “APIs” de consciência, que são um conjunto de programações para o Android que terão a capacidade de identificar diversas características no dia a dia do usuário, tais como a hora, temperatura, movimento do celular, saber se o proprietário está parado, caminhando ou correndo, entre outras sensibilidades.

Essa maior sensibilidade do Android com o ambiente em sua volta, permitirá ao usuário um novo leque de configurações ao seu smartphone, como, por exemplo, toda vez que se plugar um fone com o usuário correndo, ficará definido para disparar sua playlist de músicas automaticamente, ou o acionamento automático da lanterna quando o Android identificar o ambiente muito escuro, e até mesmo o acionamento da câmera quando o aparelho for segurado com o braço estendido para a frente, entre diversas outras possibilidades.

A ideia do Google é fazer o futuro chegar nas nossas vidas cada vez mais rápido, e não caberá somente à empresa, mas principalmente aos desenvolvedores de aplicativos conseguirem usufruir de forma produtiva da nova tecnologia.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Facebook para Android já tem mais usuários ativos por dia do que o Facebook para iPhone

O aplicativo para Android já é mais utilizado que para iPhone. Lançado em setembro de 2009, mais de um ano após o lançamento do irmão para iPhone, o aplicativo ultrapassa e é, agora, mais utilizado e com mais usuários. Desenvolvidos internamente pelo Facebook, o app para Android agora possui 58,3 milhões de usuários diários ativos, enquanto o para iPhone aparece com 57,4 milhões, de acordo com o serviço de monitoramento e rastreamento AppData.

O dispositivo Android cresce a 550 mil ativações por dia e já possui a novidade Timeline disponível, o que anda não ocorreu com o aplicativo para o smartphone da Apple.

Já nos números mensais, o Facebook para Android possui 85,4 milhões e aí ainda fica atrás do aplicativo para iPhone, que registra atualmente 99,1 milhões. Estes números não são tão importantes quanto os números de usuários diários, que fazem referência aos usuários que tornam a usar o aplicativo quase que diariamente.

O engajamento do Facebook para Android é de 68,2% em comparação aos 57,9% do app para iPhone. Consequência desses números, podemos afirmar que o dispositivo Android possui um apelo maior aos jovens e seu comportamento, que é onde se concentram os usuários mais engajados do Facebook, bem como para os usuários da tecnologia em geral. O status de símbolo de moda, dado ao iPhone, pode ser a razão de usuários menos engajados.

Outra razão não menos importante para o app Facebook para Android assumir a liderança é o fato de o Facebook ter lançado um app para iPad, em outubro passado. Esse aplicativo já tem mais de 5,5 milhões de usuários diários. Alguns usuários utilizavam o app para iPhone no iPad, porém alguns provavelmente também utilizavam aplicativos não-oficiais para acessar ao Facebook no iPad. Deve-se levar esses dados em consideração também.

Seguindo os números, o Facebook para BlackBerry possui 29,9 milhões de usuários diários e o Facebook para Windows Phone, 360 mil.

Esses números influenciam e orientam o Facebook na criação e dedicação de recursos para desenvolvimento para dispositivos móveis. Por longo tempo, esses recursos foram disponibilizados primeiramente para a versão iPhone e essa prioridade muito provavelmente ocorreu devido ao seu maior número de fãs e usuários. Se realmente o Facebook para Android firmar-se como o mais popular, a Timeline poderá ser apenas o primeiro recurso a ser disponibilizado pela maior rede social do mundo com prioridade para o aplicativo do Android.

Informações: http://techcrunch.com

WhatsApp chat