Arquivos Smartphones -

Pesquisa revela que quase 80% dos internautas brasileiros utilizam aplicativos bancários

Pesquisa revela que quase 80% dos internautas brasileiros utilizam aplicativos bancários

 

 

Uma nova pesquisa da Conecta, plataforma web do Ibope, revelou que quase 80% dos internautas brasileiros utilizam pelo menos um aplicativo de banco em seus smartphones.

Foram entrevistados 2 mil mil internautas, que relataram utilizar as facilidades dos aplicativos bancários para efetuar diversas ações.

Os pagamentos são os campeões de utilização (95%), seguido das transferências (89%), recarga de celular (57%), investimentos e aplicações (19%), empréstimos e créditos (18%), seguros (7%) e outros (14%).

O aplicativo da caixa é o mais utilizado, sendo citado por 26% dos entrevistados, seguidos dos apps do Itaú(20%), Bradesco(19%), e Santander(11%).

Para o mercado bancário, quanto mais pessoas aderirem ao costume da utilização dos apps, menos filas existirão nas agências, possibilitando, com o passar dos anos, o enxugamento de funcionários nas agências e gerando economia com uma quantidade menor de funcionários no atendimento físico.

Esta nova fase dos bancos tem revoltado muitos aprovados em concursos públicos, pois essas pessoas estão sendo ignoradas por instituições financeiras como a Caixa e o Banco do Brasil, que cada vez mais desejam enxugar o seu quadro de funcionários, e as tecnologias dos aplicativos colaboram consideravelmente para isso.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

O uso de smartphones ainda é o maior causador de acidentes no trânsito

O uso de smartphones ainda é o maior causador de acidentes no trânsito

 

Ainda ontem destacamos aqui no nosso blog um estudo revelando que o brasileiro é o povo que utiliza smartphones por maior tempo diário no mundo, com média de 4 horas e 48 minutos diários.

Infelizmente, além de toda a praticidade de comunicação dos smartphones e das redes sociais, este vício brasileiro também gera problemas.

De acordo com  a Folha de São Paulo, o uso de smartphones no trânsito é o principal responsável pelos acidentes no Brasil. Tanto é que, no ano passado, foi feita uma alteração no Código Brasileiro de Trânsito, e a multa aplicada para quem for pego usando celular enquanto dirige passou para R$ 239,47, além de 7 pontos na carteira.

Desde a data da alteração na lei, os acidentes causados pelo uso de smartphones e celulares caíram 13% no país, relata Maxwell Vieira , diretor- presidente do DETRAN de São Paulo.

Uma dica valiosa para prevenir o problema é a utilização de aplicativos acionados através de comandos de voz, como o Google Assistant e o Apple Siri.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

O povo brasileiro é o mais viciado do mundo em smartphones

O povo brasileiro é o mais viciado do mundo em smartphones

Definitivamente, o brasileiro é apaixonado por tecnologia e redes sociais. O nosso país é o líder mundial no consumo de smartphones, com uma média de uso de 4 horas e 48 minutos por usuário.

Fechando o top 5 logo atrás do Brasil vêm: China, EUA, Itália e Espanha.

O crescimento dessa média foi muito representativo, com números maiores que o dobro em relação aos dados de quatro anos atrás. Em 2012, a média era menor que 2 horas diárias.

Um estudo realizado pela Fundação Getúlio Vargas mostrou uma estimativa de 168 milhões de smartphones em uso no Brasil, representando alta de 9% em relação ao ano passado (151,5 milhões).

Realize um teste aqui e descubra qual o seu nível de dependência por smartphones.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

92,1% dos acessos à internet nas residências brasileiras são feitos por smartphones

92,1% dos acessos à internet nas residências brasileiras são feitos por smartphones

A venda de notebooks e desktops caiu bastante nos últimos anos, e o motivo desse declínio é evidente: a evolução da tecnologia dos smartphones tornaram celulares em potentes “computadores de bolso”, tornando o uso do computador, que antes era fundamental,  opcional, dependendo da tarefa a ser realizada.

O IBGE revelou, na última quinta (22), através de sua Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, que 92,1% dos brasileiros que utilizam a internet em suas residências  acessam através de seus smartphones.

O acesso através de tablets nos lares brasileiros correspondeu a 21,1%, enquanto o acesso por smartvs ficou em 7,5%.

“Quando a gente abre estes dados pelas grandes regiões, até 2014 nas regiões Sul e Sudeste ainda era superior o acesso por microcomputador. Em 2015 isso se reverte e a proporção passa a ser maior com o acesso por meio de outros aparelhos. As demais regiões já tinham feito essa reversão em 2014”, salientou Helena Oliveira, analista do IBGE.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Voltam a crescer as vendas de smartphones no Brasil

Voltam a crescer as vendas de smartphones no Brasil

 

Após 5 semestres em queda, o mercado dos smartphones voltou a aquecer no Brasil.

Segundo um estudo realizado pela IDC Brasil, no último trimestre (julho a setembro), foram vendidos 11,136 milhões de unidades de smartphones no país, com 7,2% de crescimento com relação ao mesmo período no ano passado. Desses aparelhos, 95,5% possuem o sistema Android, o que comprova que a Apple já viveu momentos melhores.

O ticket médio de venda dos smartphones ficou entre R$ 963.

Ficou claro com a pesquisa que os fabricantes identificaram erros em suas estratégias anteriores e passaram a lançar no mercado bons aparelhos com preços mais atrativos.

Uma fatia muito pequena dos consumidores ainda aceitam realizar um alto investimento na compra de um smartphone. A prova disso é que mais de 76% dos aparelhos vendidos no terceiro trimestre de 2016 são os modelos de até R$ 999.

Segundo Diego Silva, analista da IDC Brasil, a Black Friday é a época de maior comercialização de smartphones atualmente, fazendo os varejistas abastecerem seus estoques para a semana de promoções.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

WhatsApp chat