Por que o Windows deixou de ser o carro chefe da Microsoft? -

Por que o Windows deixou de ser o carro chefe da Microsoft?

Por que o Windows deixou de ser o carro chefe da Microsoft?

Sem dúvidas, o Windows é o sistema operacional mais popular do mundo, e este sucesso consolidou-se cada vez mais com o passar dos anos. A grande maioria dos computadores do planeta possuem o Windows até hoje.

Apesar dos computadores da Apple – que possuem seu sistema operacional próprio – dominarem uma grande fatia do mercado nos últimos anos, muitos dos fiéis consumidores da Microsoft ainda optam pelo Windows.

Então como podemos explicar o fato do Windows deixar de ser o produto mais vendido da Microsoft, se ele foi o carro chefe da empresa, e determinou todo o sucesso dela durante todos esses anos?

O maior gerador de receita da empresa, atualmente, são os serviços de cloud e servidores. Contudo, não quer dizer que o Windows figure logo em seguida no topo dos produtos e serviços oferecidos. O Xbox One é um sucesso já consolidado desde o Xbox 360, e existem uma quantidade infinita desses consoles espalhados nos lares em todo o mundo, e eles geram uma receita enorme, pois quem possui o console se obriga a investir em jogos e acessórios pra fazer um bom uso do mesmo.

Mas vamos com calma. Se você achava que o Windows figuraria na terceira colocação, se enganou!  Ainda na sua frente encontra-se as vendas do pacote Office, e logo em seguida e na quarta posição, vem o sistema operacional.

O principal fator para explicar tal “declínio” é a nova era dos smartphones e tablets.

É evidente que para fins de trabalho, o teclado de mesa e a tela grande de um desktop ou de um notebook, não devem perder espaço tão cedo, devido a seu conforto e praticidade, todavia, o fato é que os smartphones conseguem suprir diversas necessidades sem precisar de um computador, como acesso a todas as redes sociais, emails, jogos e diversos outros aplicativos com funcionalidades diversas.

Não foi só o Windows que perdeu popularidade, mas também os próprios computadores. Pesquisas revelam que as vendas de desktops e notebooks caíram consideravelmente nos últimos dois anos.

A evolução da tecnologia, juntamente da praticidade da internet, nos mostra que o desenvolvimento tecnológico é constante, e até mesmo uma poderosa empresa como a Microsoft necessita estar sempre atenta, identificando as novas tendências e transformações do mercado tecnológico e aplicando novas estratégias para se manter no topo.

.

Felipe de Andrade PereiraFelipe A Pereira

Administrador de Empresas, fundador e CEO da Intermidia Brasil. Autor do livro Marketing e Comunicação Digital: a internet otimizando negócios
Converse comigo no Twitter, no Facebook e no Google+!

Posts Relacionados